Tag Archives: Exposições

As inspirações do projeto dog.art

Além do amor pelos animais e pela arte, foram muitas as inspirações do Sciacco Studio, para o dog.art, afinal o mundo esta cada vez mais customizado. Por onde andamos encontramos: objetos, animais, roupas, sapatos, tênis, tudo o que pudermos imaginar está sendo decorado de forma bem autoral.

E esta customização vem de longa data, nas nossas pesquisas o primeiro que temos notícias foram os leöes customizados na cidade de Zurique, em 1986 na Suiça, em comemoração ao aniversário da cidade. Depois vieram as mundialmente conhecidas vaquinhas, rinocerontes, elefantes e ovos em Londres, flamingos em Miami, maças em Nova York, galos em Portugal, guitarras, sapatos e mais uma infinidade de projetos.

Aqui em São Paulo, guitarras, vacas, rinocerontes, porcos e raposas já foram vistos e especialmente o trabalho encantador da artista Evelyn Tannus que foi homenageada pelo projeto e que você pode ver aqui no dog.art.

Nestes projetos artistas (em alguns locais somente artistas da região podem participar e em outros podem participar artistas do mundo todo) são convidados para customizar a escultura do animal/objeto. No dog.art os convidados eram totalmente livres para criar. Podiam usar qualquer técnica ou tema. Escolhiam uma das cinco raças do projeto, recebiam a escultura branquinha e a bola da inspiração era passada para eles.
Cada um buscou a sua própria linguagem e o resultado foi lindo!
Você pode ver os dogs customizados no site do dog,art:

http://dog.art.br/

Aguardem o próximo projeto Sciacco Studio já está saindo do papel!

20131001-182114.jpg

20131001-182312.jpg
Este artista é brasileiro, Cako Martin, participou também do dog.art com dois galgos lindos!

20131001-182656.jpg

20131001-185949.jpg
Em cerâmica, da artista Evelyn Tannus

20131001-190847.jpg

Leave a Comment

Filed under Acessórios com Arte, Arte, Exposições, Nova York, Objetos com Arte, pintura, São Paulo, Street Art, Toy Art

Centro Cultural São Paulo – da série: aproveitando o que São Paulo tem de bom!

Fazia muito tempo que eu não entrava no Centro Cultural São Paulo.
Esta semana passei por ali a pé e não tive desculpa, entrei!
É lindo!! Logo na entrada a Escultura Eva, em mármore polido datada de 1922 de Victor Brecheret.

20130817-235735.jpg
Dois pisos de exposições, biblioteca, um espaço com cafeteria super gostoso e uma arquitetura linda.
Tirei algumas fotos, o dia não estava tão claro, dia de muito frio em São Paulo, mas dá pra ter uma idéia da beleza do lugar.
Confere a programação no site e coloca no seu roteiro de passeios pra aproveitar o que São Paulo tem de bom.

20130817-235833.jpg

20130817-235851.jpg

20130817-235905.jpg

20130817-235919.jpg

20130818-000006.jpg

20130818-000029.jpg

20130818-000053.jpg

20130818-000111.jpg

20130818-000132.jpg

Leave a Comment

Filed under Arte, Exposições, fotografia, São Paulo

Programa para o domingão

Quer um programa para o domingo?

Sugestão: MuBE – Museu Brasileiro de Escultura.

Além das Exposições em cartaz, você pode visitar a Feira de Antiguidades e almoçar no Restaurante do Museu.
Nada cansativo, o espaço é pequeno dá para olhar tudo com calma, almoçar tranquilamente e ainda descansar para começar a semana bem inspirado e feliz!

Até dia 17 de julho você pode ver a Exposição inspirada no tema – Futebol, até 25 de julho admirar as esculturas de Victor Brecheret na Exposição “Brecheret - Mulheres de Corpo e Alma”  e aproveitar a arquitetura do Museu, que é um capítulo à parte.

Aproveite o seu domingão!!

Museu Brasileiro da Escultura
Av. Europa, 218 – São Paulo – Brasil
De terça a domingo das 10:00 as 19:00 hrs

Leave a Comment

Filed under Esculturas, Museus

Ernesto Neto no MOMA – Nova York com “Navedenga”

Fazendo uma visita ao site da Fortes Vilaça ( galeria em São Paulo que representa Vik Muniz, Beatriz Milhazes, Luiz Zerbini,  Ernesto Neto, entre outros – como tem gente boa lá!!)

Pensei no  Ernesto Neto – não que o tenha esquecido, pois este nosso artista está em alta.

Considerado um talentoso e influente artista contemporâneo,  em 2009,  surpreendeu com instalações marcantes  e com mais  reconhecimento. Fez a Exposição “Anthropodino“ no The Park Avenue Armory –  que pude visitar, pois na época estávamos em Nova York com a Exposição Onze Vezes Brasil.

Na Mostra uma enorme  escultura feita com tule de nylon, tecido translúcido, como meias,  e dentro dela temperos diferentes, tinha canela, gengibre, pimenta, curry. Um convite para que as pessoas tocassem, cheirassem, andassem por tudo, uma grande obra interativa.

Quando chegamos na parte da pimenta, avisaram  para que tivéssemos cuidado com os olhos.

Parecia um  dinossauro, com cheiros diferentes, com as cores dos temperos que manchavam o tecido, os volumes  e a transparência.

E foi  interessante observar  os visitantes, gente de toda idade, jovens, senhores e senhoras, casais com suas crianças entrando e saindo da escultura, como se fosse um brinquedão. E não só as crianças, os adultos também  faziam o percurso.

Exposição Anthropodino - Ernesto Neto - Fotos Daniel Fontoura

Agora em 2010,  sua obra “Navedenga“, que foi adquirida pelo MOMA há três anos e que ainda não tinha sido exposta, pode ser vista até 26 de abril em uma sala especialmente para ela.

Este trabalho também feito em lycra, tem grande dimensão e faz parte de uma série que  nos remete ao corpo humano, ao orgânico, a texturas e cheiros – nesta tem cravos aromáticos, nos” lembra uma nave e também um útero materno”, palavras vindas do MOMA.

Não fui ainda, mas pelo que dá pra ver, tem passeio de novo dentro da obra.

Mais um brasileiro de talento na história.

Muito bom!!

"Navedenga" Ernesto Neto

Leave a Comment

Filed under Exposições, Instalação

Tide – Mãos de Tesoura

No dia 30 de janeiro, começou na Caixa Cultural da Sé, a Exposição Brava Gente de Tide Hellmeister.

Artista plástico e gráfico, mestre da colagem e da caligrafia estética, uma referência na arte brasileira. Criou  capas para livros, revistas e discos,  para as editoras e gravadoras mais importantes do país.

Ele dizia – “A colagem é tudo – a vida é colagem…”

Nesta Exposição que vai até dia 28 de março,  convidados especiais oferecem, aos sábados,  oficinas gratuitas sobre temas relacionados ao trabalho de Tide.

No dia 06 de fevereiro Enock Sacramento, jornalista, crítico de arte e amigo do mestre, foi o palestrante e desenvolveu um feliz paralelo entre Tide Hellmeister e Edward, mãos de tesoura - personagem interpretado por Johnny Depp,  com o diretor Tim Burton.

Uma relação simbólica entre Edward e Tide Hellmeister:  porque os dois usavam a tesoura para criar, eram extremamente habilidosos, compulsivos, sensíveis e competentes, mestres no que faziam e  tinham uma certa dificuldade de se posicionar no mundo, embora se relacionassem muito bem com determinadas pessoas.” Ambos, mãos de tesoura.

TIde Hellmeister morreu no final de 2008, no último dia do ano.

Perdemos um grande artista e também a oportunidade de tê-lo conhecido, quando esta oportunidade estava tão próxima.

Neste caso, o conhecimento da obra e do legado que ele nos deixou é o que nos conforta.

Que assim seja.

Brava gente, Bravo Tide!

9 Comments

Filed under Arte, Exposições