Vestidos em Algodão para as Meninas do Sertão

são franscisco quadrado

Oi amigos, hoje quero compartilhar com vocês um projeto que conheci através da Maria Cininha ( que vocês já conhecem por este post aqui que fiz para o Consuelo Blog)

Este projeto foi criado por Theresa Maria, uma senhora da cidade de Recife que resolveu costurar um vestidinho por dia em algodão para as meninas do sertão. Inspirada em outra senhora, de 99 anos,  chamada Lilian Weber que se propôs  costurar 1000 vestidos antes de completar 100 anos.
Fico pensando por que este projeto me encantou tanto?  Que faísca se acendeu em mim?
Eu realmente amei a ideia, fiquei admirada com a  senhora que serviu de inspiração, com a beleza, a criatividade, a belezura das Marias da Maria Cininha, com os vestidinhos feitos com capricho, com as meninas do sertão, com a imagem do dia da entrega dos vestidinhos…
Sim, tudo isto me encantou, mas talvez, o que mais tenha tocado meu coração,  tenha sido a questão do tempo.
O de tirar tempo para o outro.
Outro dia a Consuelo, do Consuelo Blog,  escreveu sobre como organizar nosso tempo pra  conseguirmos cumprir nossas metas, organizar nosso trabalho que amamos, cuidar de nós mesmas e ainda dar atenção para nossos queridos? Para ler este post da Consuelo, clique aqui.
Aí eu me pergunto: como dar conta de tudo isto e ainda pensar em tirar tempo para o próximo, que na verdade nem é tão próximo ?
Fiquei imaginando esta  senhora americana, que serviu de inspiração.  Pela lógica, com 99 anos não temos muito tempo de vida, cada segundo é um tesouro. Daí, a pessoa tem uma ideia beneficente e tira seu tempo precioso pra se dedicar a alguém que nunca viu?!
Tempo pensando num bem maior, numa sociedade, num planeta, numa vida.
Não é algo incrível?!!
Fiz umas perguntas pra Maria Cininha, que também dedica grande parte de seu tempo à este projeto,
Cininha tem participação ativa, criou a identidade de Vestidinhos de algodão para as meninas do Sertão, a página no facebook, alimenta o blog com notícias e emprestou suas Marias para que a cada 1000 curtidas no facebook, um vestidinho com a imagem delas fosse criado. Já são muitos vestidos comemorativos com a imagem das Marias da artista.
Alguns dos vestidos comemorativos:
vestidinhoscomemorativos (1)
vestidocomemorativo2
Vamos saber mais:
Cininha, fale sobre o projeto “Vestidos em Algodão para as Meninas do sertão”e como você o conheceu?
Da disposição e solidariedade de Thereza Maria, nasceu este projeto, logo Aída  Nejaim também se engajou e hoje ambas estão a frente do projeto. Tem como objetivo costurar um vestido por dia em algodão para as meninas do sertão de Pernambuco. Abrange crianças de 02 à 12 anos… Hoje este time cresceu muitos e temos mais pessoas, de todo Brasil,  costurando um vestido por dia, ou um por semana, ou conforme a disponibilidade. E não faríamos nada disso sem as nossas preciosas colaboradoras… que doam tecido, linhas, rendas, fitas, aviamentos, botões… Da menor a maior todas as doações são importantes para manter este projeto.
Obs:. Thereza Maria se inspirou no projeto de Lillian Weber uma senhora americana que se propôs costurar  1000 vestidos para as meninas da Africa até o seu aniversário de 100 anos. Thereza afirma que Dona Lillian é sua musa inspiradora.
 
 Eu fui convidada por Thereza Maria logo no começo de março para fazer parte do projeto juntamente com as Marias que fazem a divulgação e emprestam a identidade para o projeto, de tal forma que a cada 1000 curtidas na página do facebook do projeto um vestido é criado com uma das Marias e ficam uma formosura.  Já são 15.000 e 15 vestidos com Marias. Por isso tudo ganhei o status de fada madrinha do projeto o que muito me envaidece.
O que te emociona neste projeto?
Para mim o mais emocionante é o respeito à estas meninas… o capricho com o qual cada vestidinho é criado, cada detalhe, as combinações de cores, verdadeiros vestidos de grife. Como costumo dizer é como se cada menina não fosse uma desconhecida, mas uma garotinha que está esperando paciente e encantada sentada ao lado de quem costura…rsrsrs
Outra coisa os vestidos não se repetem cada um é único, isso reafirma o que disse acima, respeito a uma menina mesmo que quem costure não conheça a cor dos seus olhos ou o seu jeito de andar. Isso é tudo de bom!
Dá tempo de ajudar?
Sim, dá tempo de ajudar!
Para os vestidos temos muito material. Estendemos o projeto para os meninos e também conseguimos muitas camisetas que foram estampadas especialmente para eles. Hoje precisamos de bermudas e cuecas  de 02 a 12 anos,
Endereço para entrega:
Praça da República 465 conjunto 63
São Paulo SP CEP 01045-001
oscaras1
As camisetas para os meninos:
camisetasparaosmeninos
Quando acontecerá a entrega para as crianças?
Novembro e dezembro.
Um detalhe: as organizadoras não pedem nenhuma contribuição em dinheiro. Toda a colaboração recebida foi e continua sendo em material.
Clicando no facebook aqui é só entrar  e curtir ajudando a divulgar e inspirando outras pessoas a fazer coisas semelhantes. Não vamos esperar acontecer, vamos fazer acontecer. E o blog aqui.
Queridos amigos,
Toda vez que eu penso em tempo, penso em tempo pra mim.
Tempo pra não fazer nada, pra dormir, pra viajar, pra estudar, pra estar mais com minha família e amigos…
Talvez por isto, eu ache tão sensacional este projeto.
 Eu gostaria muito de tirar parte do meu tempo para pensar além de mim e do que já amo e contribuir de alguma forma com projetos como este.
Só não digo que vou conseguir costurar um vestidinho por dia… Será que serve um post?

10 Comments

Filed under artista do dia, Entrevistas, pessoas que fazem a diferença

10 Responses to Vestidos em Algodão para as Meninas do Sertão

  1. Luiz Antonio Ferreira

    Excelente!!!!! Uma graça!!! Parabéns!!!! bjo

  2. Thereza Maria

    Linda matéria. Obrigada pelo carinho.

  3. Mirella Cozzi

    Certamente vale tudo e qq coisa para contribuir com um projeto tão lindo como esse!

  4. Maria Vilma

    Tânia, que post precioso!!! Que maravilha, perceber e sentir a potência do bem e seus desdobramentos… desde a sua inspiração, concepção e continuada concretização…
    Não é nada fácil mesmo. Vc tem razão. Contudo, é justamente aí que está a beleza desse e de outros projetos executados por pessoas extraordinárias, abnegadas, que independente das dificuldades inerentes a vida e de reconhecerem que ações desse tipo exigem muito esforço pessoal, preferem agir, fazer, resignificar a existência sua e do outro.
    Pessoas assim, nos inspiram a acreditar que é possível… Que basta entender e aceitar a relevância do outro. Não é fácil pra ninguém, porque fácil mesmo é ficar assistindo tudo de camarote, reclamando, achando defeito nos outros, ao invés de ajudar. E quanto a isso, é desperdiçar energia, é infrutífero…
    A minha gratidão especial a todas as pessoas que fazem esse projeto acontecer!
    Um especial agradecimento à Maria Cininha!!! Com ela esse projeto ganha mais beleza, mais cor, mais nobreza! Todas as roupas estão muiiiito lindas… a camiseta com o São Francisco… Nossa!!!
    Obrigada, Tâninha! Vc é muito especial, trazendo lindas histórias e bons exemplos, que (re)encantam a vida!
    Bjs!
    MaVi

  5. Tânia, que iniciativa preciosa!!!!
    E Linda, charmosa, fashion ….
    Imagino as carinhas das meninas (e, agora dos meninos também), quando ganham seus presentes!
    Adorei e te dou os parabéns!!!

  6. Marina Di Lullo

    Tânia, que bacana você divulgar este projeto tão bonito!! Bjs

  7. Muito obrigado Tania pelo post. Obrigado a todos pelos comentários e em especial a Maria Vilma pela pela bela reflexão. Beijos

Comente!